Canjiquinha Mineira

canjiquinha1

Esta é uma de nossas receitas favoritas. Tanto carinho se deve ao fato de que ela vem de um tempo em que nossa vontade de cozinhar era maior do que nossa capacidade culinária. Até chegar num resultado gostoso e realmente apetitoso, foram muitas tentativas: foi buscando conhecer ingredientes clássicos e preparos tradicionais que chegamos nesse resultado, que agora sim podemos chamar de nosso.
A canjiquinha mineira é um “prato único”, daqueles de comer numa cumbuca e sem acompanhamentos; garantia de um sustento saboroso para aquecer tardes ou terminar noites.

INGREDIENTES

½ kg de carne-seca (charque)

½ kg de linguiça calabresa

1 kg de costelinha de porco crua

1 cebola picada

3 dentes de alho picados

500g de canjiquinha

2 folhas de louro

Alho, cebola e salsa desidratadas a gosto

Pimenta calabresa em flocos a gosto

sal a gosto

 

MODO DE PREPARO

Deixe a canjiquinha de molho em água por pelo menos duas horas; escorra e reserve.

Cozinhe, por 15 minutos e em panela de pressão a carne seca, que deve ter sido dessalgada previamente, ficando de molho em água desde o dia anterior. Você também pode dessalgar a carne de outras formas se preferir.

Corte a costelinha em pedaços pequenos e frite numa panela com um pouco de óleo. Quando estiver quase no ponto acrescente a linguiça calabresa e continue mexendo até ficar dourada.

Transfira para uma panela de pressão a carne seca cozida, a costelinha e a calabresa com um pouco da gordura da fritura. Junte o alho, cebola, a pimenta e leve ao fogo para refogar.

Acrescente a canjiquinha e misture bem. Adicione água até que cubra todos os ingredientes, tempere com sal e pimenta do reino a gosto. Feche na pressão e cozinhe em fogo brando por aproximadamente 15 minutos.

Desligue o fogo, retire a pressão e abra a panela com cuidado. Confira o ponto da canjiquinha: se ainda estiver firme, retorne ao fogo com um pouco mais de água por alguns minutos.

Sirva bem quente.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no skype
Skype
Compartilhar no email
Email

Quem curtiu essa receita também viu...

mingau pitinga

Mingau Pitinga

O mingau pitinga é um prato centenário que tem origens indígenas e influências africanas. Seu nome vem do tupi: apé tínga, podendo significar “algo branco”;

Leia Mais +
Vaca Atolada

Vaca Atolada

A vaca atolada, prato que remonta aos cozidos de antigamente, é conhecido de norte a sul do país. O que não quer dizer que todas

Leia Mais +

Mané Pelado

O nome pode até ser engraçado, mas o bolo de tabuleiro feito principalmente de mandioca, queijo e coco é pra lá de delicioso. O charme

Leia Mais +

Comente com seu Perfil do Facebook